segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Moqueca Rio-Mar

Depois do nosso retiro anual lá pelas bandas de Maragogi e São José da Coroa Grande nas Alagoas e Pernambuco, trouxemos os ingredientes básicos para celebrar o retorno com uma moqueca para o restante da família. Camarões e lagostas vieram de lá e o pirarucu veio daqui mesmo, do Pão de Açúcar... e nada como cozinhar em casa, com seus equipamentos e seus utensílios! Resultado? Olha aí!
Alla ricetta...


Ingredientes:
1,8 Kg de cauda de lagostas limpas (5 caudas cortadas ao meio)
1,5 Kg de lombo de pirarucu temperado com sal e nos moscada
1 Kg de camarões rosa médios limpos e temperados com sal.
3 bananas compridas picadas em rodelas
3 cebolas médias picadas em cubinhos
4 tomates picados em cubinhos
1 alho poró pequeno fatiado
1 pimentão amarelo picado em cubinhos
400 ml de leite de côco
4 colheres (sopa) de azeite de dendê
Cebolinha verde fresca picada qb
Coentro fresco picado (separando as folhas das raízes e talos)
Azeite de oliva qb
Sal qb
Manteiga qb
Dentes de alho qb
Noz moscada ralada na hora qb

À diversão:
A primeira coisa importantíssima a fazer é limpar as lagostas.
As minhas, sempre que posso, compro lá em São José da Coroa Grande no Pernambuco do Vado e Dona Cleide. Eles têm 3 barcos de pesca de lagosta e uma pequena peixaria e loja de materiais de pesca na cidade.
Quando o Vado tem as lagostas inteiras eu prefiro para usar as carcaças para preparar caldos para risotos, além das ovas para outros usos. Quando não, compro as caudas e já peço pra Dona Cleide cortar na serra todas elas na direção longitudinal.
Dessa maneira a limpeza fica bem simples. Veja:
Cortadas ao meio longitudinalmente, a tripa fica sempre de um dos lados.

Basta puxar até a extremidade da cauda e lavar.


As outras metades são somente lavadas e tudo está pronto para serem preparadas. Agora fica tudo mais fácil.
Começando de fato:

Eu começo salteando as caudas de lagostas em azeite e alho.
Começo com as cascas voltadas pra baixo para ganharem esse lindo colorido.
Monitoro o ponto adicionando mais azeite se necessário. 
Retiro, salgo e reservo. Mantenho a panela no fogo e entro com a cebola, alho poró, talos e raiz do coentro para soltar aqueles resíduos pegados no fundo.
Adiciono os tomates picados e mexo bem.
Por último entro com a cebolinha verde e o pimentão amarelo e deixo que se unam bem adicionando o azeite de dendê. Faço  um primeiro ajuste de sal.
Nesse ponto divido a quantidade pelo meio e retiro para reservar.

Mantenho a outra metade na sartén e espalho para acomodar as lagostas e o pirarucu.
Acomodo as caudas sobre a base que ficou na sartén.
Nos espaços das caudas acomodo os pedaços de peixe.
Sobre eles gotejo mais um  pouco de azeite de dendê para ganharem sabor.
Cubro com a outra metade da base e adiciono as rodelas de banana.
Agora entro com o leite de côco e deixo cozinhar.
Cubro com os camarões e protejo com papel laminado de alumínio.Verifico o cozimento e o ponto de sal. Ajusto se necessário. 
Corto o fogo e polvilho com folhas frescas de coentro. Pronto para servir e bom apetite.
E olha a textura e a cor do peixe.
Serve 8 pessoas que comem bem!


O pulo do Chef: Por aqui usamos bem menos azeite de dendê que no nordeste. Não estamos acostumados com sua potência e seu uso parcimonioso dever ser observado.
Os camarões devem ser adicionados bem no final do cozimento para não "emborrachar".
Para ver o ponto do cozimento do pirarucu, basta observar sua coloração e/ou perfurar um pedaço com um garfo e isso não deve oferecer resistência.
As folhas verdes e frescas do coentro devem entrar após o corte do fogo para manter seu frescor e sabor cítrico.
Não adicionamos pimenta nessa versão pela presença de crianças.

Deixe aí abaixo sua avaliação com um simples clique.
Print Friendly and PDF

2 comentários:

  1. Maravilhosa. Perfeita. Só que tem 3 coisas na vida que eu,embora tente, não consigo comer: rins, ostra crua e...coentro! 😢😢😢

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa Luigi... fazemos sem coentro. Abração.

      Excluir

Seus comentários são muito benvindos e respondidos oportunamente, se for o caso. Aviso aos caros visitantes que precisei ativar o serviço de "verificação de palavras" para evitar Span nos comentários. Conto com sua paciência. Obrigado. Cozinha Ousada!