terça-feira, 1 de junho de 2021

Coxinha sem Massa

Conheço gente com aquela preocupação de não engordar, de controlar o incontrolável (o tal de colesterol), mas adora os tira-gostos... Eis aqui algo que fará essas pessoas se sentirem melhor e se auto-enganar!

Minha Nonna Concchetta dizia "fanculo chi rimuove l'impasto della ´coxinha´ poi riempie la pancia con birra, vino, pasta, dolci ... e il cazzo di culo."

Finíssima, minha nonna! Foi ela a responsável pelo meu treinamento em etiqueta e bons costumes. Tadinha!

Alla ricetta...

Ingredientes:
750 a 800g de peito de frango (1 peito desossado) picado em cubos
2 tabletes de caldo de galinha
3 colheres (sopa) de Catupiry
1 cebola
3 dentes de alho
1 colher (sobremesa) de páprica
1 tomate sem sementes picado em cubinhos
Salsinha picada qb
2 ovos batidos
Farinha Panko qb
Azeite de oliva qb
Sal qb
Água qb
Óleo vegetal de milho ou girassol para fritar qb
Papel absorvente qb

À diversão:
Eu cozinho o frango em panela de pressão com a cebola, alho, azeite, caldo de galinha e água até cobrir os pedaços de frango por 20 minutos contados a partir de pagar pressão.
Depois de cozido, passo tudo numa peneira fina e reservo o caldo para outros preparos. Os cubos de peito e os sólidos voltam pra panela. Fecho bem e chacoalho bastante o suficiente para que desfie toda a carne.

Feito isso, coloco numa travessa e adiciono o  Catupiry, páprica, tomate, salsinha e sal. Misturo bem e ajusto o sal, se necessário.

Com a massa pronta, bato os ovos e acomodo a farinha Panko noutro recipiente.
Divido a massa em 12 partes (aproximados 60/70g cada) e formo as coxinhas. Passo pelos ovos batidos e pela farinha. Repito o processo mais uma vez e levo à geladeira por uns 30 minutos.

Coloco óleo vegetal numa panela suficiente para cobrir as coxinhas enquanto fritam. Levo ao fogo até atingir 160 a 180 graus.
Frito em grupos de 3 ou 4 de cada vez.
Quando ganham aquele dourado lindo, são acomodadas sobre papel absorvente.

Com o prato cheio, vamos ao espetáculo. Cerveja bem gelada e papo solto!
Dá uma olhada aí como ficam por dentro.
Aquela casquinha super crocante, envolvendo a massa-recheio!
Bom apetite!

O pulo do Chef: Verifique a textura da sua massa e adicione mais Catupiry se precisar ou desejar que fique mais cremosa.
Tente não deixar cair muito a temperatura quando entrar com mais coxinhas pra fritar. Se for preciso adicione uma a uma, em intervalos de 2 minutos. Se tiver um bom termômetro, vc pode monitorar a estabilidade da temperatura, pois ela ajuda a ficarem bem sequinhas e douradas.
O caldo restante do cozimento do peito pode ter muitas utilidades, como no preparo de Risotti por exemplo.
Se sobrar farinha Panko ao terminar de empanar, não fique tentado a juntar no pacote para guardar. Descarte.


Deixe aí abaixo sua avaliação com um simples clique.
Print Friendly and PDF

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seus comentários são muito benvindos e respondidos oportunamente, se for o caso. Aviso aos caros visitantes que precisei ativar o serviço de "verificação de palavras" para evitar Span nos comentários. Conto com sua paciência. Obrigado. Cozinha Ousada!