quinta-feira, 28 de abril de 2011

Piadine Arrotolate - Mini pizzas enroladas

Pra quem não é oriundi ou não tem proximidade com La Vecchia Itália, seja ela qual for, não é tão fácil entender a magia que produz o compartilhar da mesma mesa nas relações entre as pessoas.
Lá no San Bruno quando tinha festa era sempre de compartilhar mesas, festas das boas! A que o Mario Sbattuto - grande Sbatto - mais gostava era a Festa dos Arrotolate, sempre na primeira quinzena de Maio... Sabe o motivo? Ele adorava as tradições de San Bruno! ... e como não gostar (?!)... que saudade!!!
Entrada do paradisíaco San Bruno
Os Piadine Arrotolate não têm nada de especial e não era por eles que aqueles encontros faziam tanto sucesso. O encanto está na maneira que eles são preparados, pois se assim não fosse, não passariam de mini pizzas, enroladas com o recheio e depois tostados numa sartén de fundo grosso ou numa grande chapa de aço ou ferro espesso que se coloca sobre duas chamas de um fogão ou, como eram feitas lá no San Bruno, sobre a chapa grande do fogão a lenha. Até aí, nada de especial mesmo. 
Entretanto, os Arrotolate guardam muita magia quando se prepara para muitas pessoas num encontro com bastante gente amistosa. Eu nem estou dizendo gente amiga... digo gente amistosa, o que é bem diferente. Quando a gente está cercado de gente amistosa, não é necessário conhecer previamente ninguém e você vai se sentir em casa, apesar disso.

O Sbatto preparava a massa e deixava descansar. Zia Nadia pegava daí pra frente, abria os mini discos e passava pela chapa do fogão a lenha, daqueles  que nunca se apagam. Empilhava todos eles protegidos para não perder umidade e facilitar na hora de enrolar. Crocância eles ganham depois.
Enquanto isso, Sbatto improvisava uma grande mesa com a bancada de madeira, usada no dia-a-dia para selecionar as frutas e legumes das colheitas. Sobre ela eram colocados todos os ingredientes dos recheios e logo, logo, os mini discos da Zia Nadia, ganhavam lugar de destaque. Tudo ficava assim disposto para que cada um pudesse montar os Arrotolate e levar a tostar alí ao lado na chapa do fogão a lenha.

Porém, quando a festa começava, era preciso respeitar as regras e tradições de San Bruno e isso sim faz toda a diferença: Ninguém pode preparar só um Arrotolate! O mínimo são dois deles, melhor se forem 3 e ainda melhor se forem 4. Quem prepara pode ficar com um e os demais precisam ser oferecidos. Melhor se não ficar com nenhum e entregar todos, pois segundo a lenda, San Bruno - agora falo do santo e não do sítio - protege incondicionalmente os que tudo oferecem! Assim, super quentinhos, tostados e crocantes para as pessoas amigas e amistosas. 

Aí está todo o encanto!... eu nem vou perder tempo e falar sobre os vinhos... coisa desnecessária!

Ainda hoje, o Dino e o Galego, netos do Sbatto, se encantam com os Arrotolate. Eles podem ajudar a preparar a massa, podem escolher os recheios, montar alguns, enrolar... só não podem - ainda - chegar perto da chapa do fogão e tostar, mas adoram participar de tudo.
O mais importante é que a tradição e aquela "coisa" italiana já está transmitida e seguirá viva! Auguri a tutti!

Alla ricetta...
Ingredientes:
1 porção de Massa para Pizza Beatriz (clicar sobre o nome para ver a receita)
24 fatias de muçarela
24 fatias de presunto
24 azeitonas pretas descaroçadas e picadas
3 tomates maduros e firmes fatiados finamente
Folhas de orégano fresco qb


Mão na Massa:
Eu divido a porção de massa da receita "Massa para Pizza Beatriz" em 24 bolinhas pequenas. Abro com a ajuda de um rolo deixando bem fininhas e redondas.
Numa sartén de fundo grosso, passo as massas de ambos os lados até que apareçam pontinhos tostados e vou reservando.
Coloco cada uma das massas sobre a mesa de trabalho e coloco uma fatia de muçarela, outra de presunto, uma azeitona picada, 2 ou 3 fatias de tomate e umas folhinhas de orégano. Enrolo e coloco na mesma sartén para tostarem.
Quando ficarem bem "pegadinhos" de um lado, viro e deixo "pegar" do outro lado.
Sirvo imediatamente... Sucesso garantido!
Serve 24 piadine arrotolate.


O pulo do Chef: Se as massas pré assadas ficarem muito firmes e começarem a quebrar quando forem enroladas, coloque por 10 segundos no microondas e enrole imediatamente com total facilidade. Se quebrarem um pouquinho não há nenhum problema... são tão gostosos que garanto que ninguém vai reclamar... não dá tempo e é falta de educação falar com a boca cheia!
Deixe sua criatividade encontrar os recheios preferidos... ouse sem receio, pois essa maneira de preparar é tão versátil como as pizzas!


Deixe aí abaixo sua avaliação com um simples clique.
Print Friendly and PDF

Um comentário:

  1. Fiquei com água na boca com esses enroladinhos de pizza!
    abçs

    ResponderExcluir

Seus comentários são muito benvindos e respondidos oportunamente, se for o caso. Aviso aos caros visitantes que precisei ativar o serviço de "verificação de palavras" para evitar Span nos comentários. Conto com sua paciência. Obrigado. Cozinha Ousada!